Resenha de Todos os Batons da coleção Pausa para Feminices para Tracta

  Oi meninas td bem?
No ultimo post resenhei o batom lindo Siren da Bruna Tavares que é lindo.
Então pensei e resolvei trazer todos os batons dela aqui em um post só.
Lembrando que todas as fotos e texto são exclusivo do proprio blog dela.
Peguei lá tudinhooo ,mas foi por uma boa causa mostrar a coleção completa dos batons dela.
Já que eu só tinho o Siren. então não posso falar com propriedade dos outros.
O post vai ficar grande ,mas por favor vejam tudo pra vcs conferirem os batons divos dela.
Vamos começar!



O Mirella é meu xodó, confesso! Ele é uma versão nacional do maravilhoso Runway Hit da MAC, além disso o nome é muito especial pois faz referência a Mirella Ferraz, a sereia brasileira que eu admiro e amo do fundo meu coração (na terra ou no mar! hehe). Ele possui um tom de coral rosado queimado pastel. E olha que legal! Ele é semi mate


O Elsa também é muito especial, começando pelo nome que sim, obviamente faz referência a Elsa de Frozen. Mas é importante destacar que eu só coloquei esse nome porque Elsa significa “divindade das águas”. Como minha coleção é toda nomeada com elementos aquáticos/sereísticos/marítimos não faria sentido alterar. Por isso dei pulos de alegria quando descobri esse significado e pude colocar o nome Elsa na coleção hehe. O legal é que ele tem um tom parecido com o que ela usa no filme. Ele possui um tom difícil de definir. Eu diria que é um rosa goiaba vibrante. Me inspirei no tom do Jeffree da Kat Von. Ele é uma versão mais suave do Impassioned da MAC. O acabamento é semi mate assim como o Mirella.


O Merliah não foi desenvolvido por mim, ele entrou na onda meio que por acaso porque a gente resolveu lançar pro Carnaval um kit de batom + brilho (o Toque de Cristal). Aí eu tive que escolher um batom da linha regular para compor o kit (já que não daria tempo de desenvolver). O Merliah é o antigo Rose Gum daquele kit chicletS, lembram? A diferença é que o Merliah tem acabamento HD, ou seja, é um tico mais escuro e mais grosso/pigmentado.


O Siren é um batom que eu fiz inspirado na Kylie Jenner. Não me inspirei nos batons que ela usa de fato, e sim nas fotos, porque gente, não adiantava eu simplesmente pegar o batom (ou mesmo o lápis) que ela usa e criar um dupe. Isso porque as fotos da Kylie são sempre postadas com filtro (instagram), e a cor que a gente gosta é a da foto, né? Ou seja, foquei apenas nas fotos, em especial nas duas acima. O resultado foi um batom cor de boca com um fundo meio pêssego, meio marrom, meio goiaba. Bem diferente e difícil de definir mesmo!


Bela: Existem várias nuances de Marsala, me inspirei na cor usada pela Kylie Jenner, pra fazer parzinho com nosso amado Siren –. O nome é uma homenagem para a princesa Bela, que também usa a mesma cor nos lábios (hehe), além disso, eu queria muito dar um nome com sonoridade italiana para esta cor, uma vez que Marsala faz referência ao Vinho Marsala produzido em Sicília, na Itália. Ele é super matte, assim como o Siren! Porém mais escuro. Olha só:

O Raven é um roxo inspirado na cor do momento, me inspirei especialmente na Claudia Leitte. Ela usou o Heroine da MAC no The Voice, mas achei que no vídeo o tom estava mais bonito, mais uniforme, sabe? Ai foquei nisso. É um batom difícil de fotografar. Na luz, por culpa do pigmento azul neon, ele fica mais claro, mais violeta. Sem luz (foto de rosto todo) ele já fica mais escuro/fechado. Então #ficaadica: assim que receber o seu olhe ele na luz e fora da luz antes de achar que está claro ou escuro rsrs. Experiência própria, esse batom tem dupla personalidade rsrs!




O batom Magia das Fadas é uma criação da minha filha Sabrina como a maioria já sabe! Um belo dia no shopping a Flavia, diretora da Farmaervas, encontrou comigo e com minha família. A Sabrina, desbocada que só ela, se convidou para fazer um batom e voilá. Nasceu o Magia dos Fadas. Antes de ir na fábrica desenvolver a cor, eu pedi para ela olhar os meus batons e escolher algum parecido para já levar como inspiração. Ela, mega criativa, foi misturando um monteeeee de cores (imagina a bagunça!) até chegar na mistura mais inusitada de todos os tempos. Candy Yum Yum da MAC + Chinchilla Lime Crime. Misturando os dois o tom que resulta é o do Magia das Fadas, um lavanda/orquídea muito diferente de tudo que eu já testei. Sozinha eu mesma jamais pensaria nessa cor (rsrsrs). Olha só a Sabrina toda felizona com sua criação:

>> Sabrina: nude rosé inspirado nas Ninfas das Águas (significado do nome). Ele é parecido com o Hue da M.A.C porém tem mais cobertura.
>> Ariel: rosa cor de boca de princesa. Me inspirei na boca “rosa natural” das barbies e na cor honeysuckle da paleta da Pantone.
>> Rosa do Mar: pink com fundo uva ou magenta. Ele foi inspirado no Gladiola da M.A.C, mas apenas inspirado porque eu deixei ele mais rosa.


Maça do amor:
A ideia da cor (e nome!) mais uma vez veio da minha filha Sabrina (que está em um momento criativo maravilhoso rsrsrs). Ele é inspirado na maçã da Branca de Neve e na maçã do amor como o nome sugere. Que é uma maçã linda, lustrosa, maravilhosa. Ele não foi inspirado em nenhum batom famoso. Simplesmente fomos (eu e a filhota!) na fábrica e lá decidimos o tom de vermelho, brilho e textura. Tudo aleatório, ou seja, se ficou parecido com algum outro é pura coincidência ;) O tom é um vermelho maçã mesmo, que é esse vermelho médio que tende para o rosado/vinho. 



O novo batom PPF agora vem com fórmula matte e embalagem personalizada com o logo e a sereia gravados em dourado na tampa. Olha que amor: O batom Pausa para Feminices nasceu no primeiro projeto Tracta Blogs, e foi o tom mais vendido dela. Por conta deste sucesso tive a chance de continuar criando produtos. Ou seja, ele de fato merecia continuar na linha, mas do jeito que estava não (porque sua qualidade de embalagem e textura estava aquém do outros) por isso rolou uma reformulação total, mantendo apenas o MARAVILHOSO TOM.Um coral rosado cor de “bala frumelo”. Uma das cores mais diferentes que eu conheço, e uma das mais queridinhas da toda a coleção. A versão cremosa era mais fácil de aplicar, porém durava menos e tinha uma cobertura menos uniforme.A versão matte dura mais e cobre totalmente os lábios, porém por ser mais seca é mais chatinha de passar.


O Ursula virou o xodó da galera e está vendendo mais do que água no deserto. Sério! Geral se apaixonou por ele, coisa que até me surpreendeu, isso porque geralmente os tons mais neutros são os que mais vendem na minha coleção. Mas o Ursula veio pra abalar e fortalecer de vez a tendência dos escuros na boca da mulherada brasileira (que demorou um pouquinho pra se render, né?) Trata-se de um vinho bem escuro inspirado na cor da pétala seca da rosa vermelha, ou mesmo na cor do sangue seco, sabe? Minha inspiração maior foi essa, e também o extinto batom Oxblood da NARS, o Talk That Talk da Rihanna e o Diva da MAC. Minha ideia foi fazer um Diva mais encorpado e um pouco mais escuro, como um Talk That Talk menos roxo e mais vinho/vermelho, saca?


O batom Caiala não sai mais dos meus lábios. Usei ele nesse tutorial e nessa foto aqui do Instagram.Estou indo em todos os eventos com ele e geral elogia e pergunta que cor é (sucesso!). O tom é umlaranjinha coral com suave cintilância perolada dourada, bem suave mesmo!

O batom Iara é o meu vermelho dos sonhos! Ele possui um leve fundinho framboesa e foi inspiradonessa cor usada por Emma Watson. A cobertura é ultra pigmentada e acetinada, a mesma dos batons com textura Satin da MAC. Quem testou se apaixonou! Estou usando ele nessa foto aqui.





O Dunas tem sido meu companheiro de toda a hora. Na realidade eu fico me perguntando COMO QUE EU DEMOREI TANTO pra desenvolver essa cor. Trata-se de um marrom claro taupe com um fundinho rosa antigo. É um batom que em pele clara fica entre o nude e o cor de boca, e em pele morena e negra fica nude, mas um nude usável, sabe? E não apagado demais.
Estou apaixonada por ele. Quem acompanha meus tutoriais vê que estou usando direto. Pra falar bem a verdade, está até dificil usar outro batom uhauaha. A cor dele é perfeita e combina com qualquer maquiagem pra qualquer momento do dia, do trabalho a baladinha

 batom Esmeralda
É uma homenagem ao povo cigano. Tenho uma relação incrível com as crenças e cultura deles desde criança. É algo que está no meu sangue basicamente! E se hoje eu trabalho com beleza é porque uma cigana maravilhosa (Esmeralda) me deu essa dica (sem me cobrar nada hein!). E olha que na época que ela deu essa dica eu achei SUPER ESTRANHO, tipo “cê tá viajando, né?”. Mas enfim, ela acertou. E ainda abriu minha visão para algo que até então era só hobby. Devo muito a esse conselho. E esse batom é minha justa homenagem.

Aí que pra não fazer um verde esmeralda (rsrs) me inspirei na cor do lenço da cigana Esmeralda do filme O Corcunda de Notre Dame. No final consegui um roxo uva intenso bem vibrante. Diferente de tudo. Tem comparação dele com outras cores aqui, aqui e aqui. Ele é único! A textura é matte igual ao Raven, um matte mais confortável que o Bruna e o Bela na minha opinião.


BATOM JASMINE

O batom Jasmine foi inspirado na cor do Doce de Leite (alô galera de Minas Gerais!). Joguei um doce de leite na tabela da Pantone e tirei algumas cores, escolhi a 7585C para desenvolver esse tom maravilhoso e super usável para qualquer ocasião
A textura é matte, mas um matte que é um pouco menos seco que o Siren e Bela. O legal é que mesmo assim ele entrega uma textura 95% opaca. Sem incidência de luz muito forte ele fica opaco, com luz forte ele reflete uma levíssima cremosidade.
Já estava mirando essa cor mineirinha faz algum tempo. As Kardashians e as Jenners usam muito, sabe? E essas cores, como disse anteriormente, são curingas!
No processo de escolher o nome acabei descobrindo que a cor é bem parecida com a usada pela Jasmine. Achei divertido nomear assim, e aposto que muitas Jasmines vão gostar de ter um batom com o seu nome. =) Amo nomes femininos para batons como vocês já sabem!


Agora Vamos para o lançamento dos batons liquidos matte 

Batom Glinda


O Glinda só existe por causa de vocês, que me pediram muito um dupe do Cashmere. Procurei não fazer exatamente igual porque é chato, né? Então deixei ele mais rosado, com um fundo mais adaptável aos tons de pele variados. Mas ainda sim ele é acinzentado. Tem comparação dele aqui com o Hermione e o Cashmere. 

Batom Morgana

O Morgana é o queridinho da coleção. O carro-chefe. É um ameixa escuro inspirado na cor da Rihanna, sabe?
Foi bem difícil desenvolver porque esse tipo de cor de batom mancha muito. Então trouxemos uma matéria-prima importada e voi lá. Deu certo!

Batom Pandora

O Pandora é o vermelho vampira da coleção! Ele nasceu da ideia da mistura do Red Velvet com o Wicked da Lime Crime. Um vermelho fechado poderoso. 

Batom Poema


O Poema é um rosa magenta uva, mais fechado que o Flat Out Fabulous. Fica entre o Rosadili e o Uvali. Nesse link aqui tem as comparações. Tinha que tem um rosa desse na coleção, então procurei colocar alguma nuance diferente. O nome é uma homenagem a minha amiga e guru Poema Querubin.


Batom Gaia


O Gaia é um cor de boca rosa antigo. É o batom mais cor de boca da minha coleção. SÉRIO, ele tem a exata cor da minha boca praticamente. A inspiração veio do Dusty Rose da Anastasia. Eu amei! Batom que você usa com qualquer make, em qualquer horário, ocasião. É o curinga da coleção! 



Bom meninas está ai o post completo de toda coleção dos Batons Pausa para Feminices de Bruna Tavares para Tracta
Lembrando que todas as fotos e textos são da Própria Bruna Tavares.
Fiz esse post só pra quem estiver querendo comprar a coleção toda dela ver os batons em um post só neh fica bem mais fácil .
Um beijo e até a próxima

0 comentários:

Postar um comentário

Translate

Translate

Blog Vanessa Olly Copyright © 2015 - Designer by Papo Garota,Programação Emporium Digital